Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider

YOLANDA SOARES " FADO EM CONCERTO" Premium

Cidade
Descrição
Fado como Património da Humanidade A música clássica também foi contagiada pelo Fado
Uma fantástica junção entre Fado música clássica e moderna. Um tributo ao Fado e a Portugal numa criação única que representa a nova geração. Yolanda Soares é vestida pelos estilistas Storytailors e apresenta o Fado de uma forma encantadora. Elogiada pela crítica e referida a nível internacional Yolanda Soares fez do Fado um autêntico emblema real. Nobre e requintado sem deixar as suas características mais tradicionais.
Curriculum
Yolanda Soares, nasceu em Lisboa. Com 6 anos de idade ganha o primeiro lugar em competições nacionais de Ginástica Desportiva em todos os aparelhos, dirigida pelo próprio Pai. Muito cedo habituou-se a lutar por alcançar o perfeccionismo em tudo o que fazia e a estar perante o olhar do público. Ingressa na escola de dança do Conservatório Nacional de Lisboa com 8 anos pelo desejo de se tornar Bailarina (completando ainda 4 anos do curso) e chegou a classificar-se em 1º lugar num concurso de dança jazz organizado pela Academia de Santo Amaro. Mas a facilidade musical que tinha e as influências musicais familiares levaram-na á descoberta da sua verdadeira vocação. Cantar.
Ingressa no curso de Canto do Conservatório Nacional com 17 anos estudando com a Professora Manuela de Sá durante todo o Curso.
Com a mesma idade começa a trabalhar como cantora e actriz no teatro contracenando logo com grandes nomes.
Desde então Yolanda Soares fez da sua vida uma Universidade Artística (como gosta de chamar) e procurou as mais diversas experiências artísticas que a enriquecessem mais na sua descoberta de si e da sua arte.
Enquanto estudava no Conservatório entrou igualmente (como cantora e actriz) na peça "A grande festa” de Francisco Nickolson. Depois, na peça "Maldita Cocaína" de Filipe la Féria, também na série televisiva "Giras e Pirosas" (como actriz) de Walter Avancini ao lado de grandes actores brasileiros como por exemplo Lima Duarte.
Cantou no coro do Conservatório nas produções: "Carmen" de Bizet e "Carmina Burana" de Carl Orff.
Foi backvocals da cantora Adelaide Ferreira e cantou como convidada e concorrente em vários programas como: "Zona +" de Carlos Cruz, "Mil e uma tardes" de Júlio Isidro,"Rock rendez vous", "Selecção de esperanças".
Entra num grupo de espectáculos organizados para cruzeiros (Funchal e Princess Danae) e durante cerca de 4 anos fez cruzeiros a cantar todos os géneros musicais: Musica Cubana, Musicais, lírico (cantando em dueto com Carlos Guilherme), etc.
Aprendeu a lidar com diversos géneros musicais.
Após essa "odisseia", Yolanda decide estudar novamente e ingressa no curso de Direito na Universidade Moderna. Acaba por desistir pela vontade de lutar pela área que mais gosta. A música.
Começa a cantar no Casino Estoril (Du Art Garden) e fica 4 anos a cantar com um Trio de Jazz dando-lhe mais uma experiência bastante diferente. Canta no Casino da Póvoa do Varzim durante 6 meses também. Decide então, após todas essas experiências voltar ás "origens", e depois de algumas aulas com Elizete Baian, começou a cantar lírico novamente e trabalha juntamente com vários cantores do S. Carlos e Gulbenkian produzindo o grupo "Ópera Viva” com um trabalho em CD “Noites de ópera e Lisboa”.Com este grupo fez inúmeros espetáculos pelo País e ficou 11 semanas em cartaz no Casino Estoril, desta vez com Ópera.
Entretanto continuou a estudar canto e repertório, fazendo diversas Master Classes com professores/as de excelente currículo Nacional e Internacional:
Liliane Bisineck, Elisete Baian, Helena Netwig Dumitresku, Enza Ferrari, Lella Cuberli, Lúcia Lemos, Armando Vidal (director musical da sua produção "Noites de Ópera em Lisboa"), e Brian Macchugh (estudo de canto através de métodos de psicologia).
Forma entretanto a sua própria empresa "By The Music" Produções Lda.
Desde então organiza, produz e realiza todas as produções desta empresa e faz espectáculos por Portugal inteiro, não só dentro da área da música clássica como dos mais diversos géneros musicais que vão desde a Ópera ao Fado. Cria e dirige artisticamente as suas próprias produções entre as quais "Noites de Ópera em Lisboa", "Fado com Flamenco e Napolitanas", "Ópera Viva", "Bel Canto Latino “Canto Lusitano etc.
Foi em 2005 que concebeu "MusicBox" Fado em Concerto para apresentação de um espectáculo de solidariedade realizado na Aula Magna.E em 2006 sai o CD "MusicBox" Fado em Concerto, editado pela editora Universal Portugal.
Com este projecto Yolanda Soares foi nomeada para os Globos de Ouro da SIC como artista revelação de 2006 mas não obteve o prémio que foi nesse ano atribuído a Michael Carreira. Fez espectáculos de grande importância e responsabilidade como: Comemoração do dia de Portugal de Camões e das comunidades realizado em 10 de Junho de 2007, convidada pelo Exmo. Senhor Presidente Cavaco Silva e atuando para os diplomatas do mundo inteiro. Fez um espectáculo no Casino de Lisboa para o campeonato mundial de Triatlo (realizado pela primeira vez em Portugal) onde Vanessa Fernandes se sagrou campeã. Um dos temas do álbum Fado em Concerto (o hino "Amanhecer") foi o escolhido para representar o campeonato de Triatlo. Esteve na TV Galiza convidada para actuar na entrega de prémios da comunicação Galiza. Actuou para o município de Cascais com a presença das entidades oficiais. Apresentou-se em várias galas e programas de televisão etc.
Yolanda recebeu um emblema de Excelência atribuído por uma revista Australiana de música (An’R), pelo seu 1º trabalho Fado em Concerto( MusicBox) no ano de 2009.
Neste momento faz inúmeros concertos por todo o país, é directora artística da empresa By the Music e o seu mais recente trabalho intitula-se "Metamorphosis". Lançado em 2010 foi patrocinado pelo Montepio para 4 grandiosos espetáculos nos Coliseus de Lisboa e Porto comemorando 170 anos desta instituição revelando-se um sucesso e apelidado como um dos melhores espectáculos feitos por uma portuguesa naquela casa. Qualidade, mistério, inovação e grandiosidade foram as palavras mais utilizadas por quem assistiu. Foi já transmitido na RTP 2 no programa “Palcos” e RTP internacional.
Destaca-se também o espetáculo que fez para a abertura do campeonato Europeu de Remo e um espetáculo dedicado á apresentação do último modelo de automóvel Ypsilon em Lisboa. Refira-se também que um dos temas do álbum intitulado “Keni Inderó” representou o grande Evento de solidariedade feito no Terreiro do Paço onde foi realizada a maior estrela de velas do mundo e onde Yolanda também actuou com um coro de 30 crianças.
Yolanda Soares também apresentou outra forma inovadora de tourné saltando não só de um avião a 16 mil metros de altitude (uma forma diferente de anunciar a tourneé) fazendo com isso uma analogia á necessidade de arriscar um salto na transformação do País. E durante a sua tourneé resolveu representar as 7 Artes em cada um dos espectáculos envolvendo as comunidades de cada região nos seus espetáculos. Outra inovação.
É assim que a cantora crossover Yolanda Soares funciona.Com criatividade e uma necessidade constante de passar mensagens fortes e motivadoras.
Metamorphosis é um trabalho inovador que pretende não só apresentar um Portugal de forte personalidade como poético e intemporal (Yolanda apresenta-se em espectáculo, ora com uma armadura de guerreira, ora com um vestido romântico e etéreo). É uma autêntica metamorfose estilística e de personalidade. Uma necessidade de transformar ideias e conceitos. De transformar a ideia e imágem de que em Portugal não se faz mais para além do tradicional.
Apresentando uma imagem de guerreira este trabalho espelha tradição e modernidade em cada tema e conta histórias emotivas, lusitanas e globais.
É o inconformismo de uma artista que não gosta de ser catalogada nem gosta de “fórmulas” estanques e repetitivas. Inovação e criatividade são palavras de ordem.
A quem pertenço?ao mundo eu pertenço. Danço em liberdade e sou natureza que canta a tristeza e a saudade…..não pertenço ao meu passado, ensinou-me muito o Fado…(Tema intitulado “A quem pertenço” do último álbum Metamorphosis e letra de sua autoria)
Video
Video
Video

A central de Artistas

Central de Artistas é uma plataforma gratuita de exposição e promoção de artistas profissionais, que divulga e possibilita para contratação, a arte e os serviços dos utilizadores de uma forma intuitiva e de fácil acesso.

Tem como destinatários o curioso das artes e o potencial cliente que procura a melhor solução para o seu evento.